Arizona Cardinals revela memorial para Pat Tillman

Ex-jogador deixou NFL após assinar um contrato milionário para se alistar ao exercito e caça de Osama Bin Landen; Ele foi morto por fogo-amigo em 2004

Pat Tillman ganhou memorial no vestiário do Arizona Cardinals.

Pat Tillman ganhou memorial no vestiário do Arizona Cardinals.

A história do ex-jogador Pat Tillman é uma das mais bonitas da história da NFL.  Após os ataques de 11 de setembro contra as Torres Gêmeas, o linebacker deixou uma carreira promissora na liga com um contrato milionário e se alistou no exercito dos Estados Unidos na cassada a Osama Bin Laden.  Porém, Tillman foi morto no Afeganistão no dia 22 de abril de 2004 por fogo amigo, de acordo com uma investigação do exército sobre sua morte. Primeiramente, foi relatado que ele faleceu por fogo inimigo.

Saiba mais

Brady e Gronk brilham e Patriots vencem Steelers na abertura da NFL
Campeão do Super Bowl com os Giants morre aos 27 anos
Elencos da NFL diminuem elencos; Veja a lista dos dispensados

Tillman jogou pelos Cardinals durante quatro anos, entre 1998 e 2001. A franquia guardou o armário do ex-atleta durante a renovação do vestiário e o preservou com vidros na nova instalação.

Junto com o armário de Tillman estão seu capacete, camisa, ombreiras e cartão do draft a partir de 1998. Ao lado do armário tem uma descrição sobre a vida e a carreira de Tillman.

“Muitos de nossos jogadores, futuros jogadores e, até mesmo, os nossos jogadores atuais, podem não saber todas as histórias dos Cardinals”, disse Michael Bidwill, presidente dos Cardinals, antes de um tour nas novas instalações.

“Nós quisemos contar as histórias e falar sobre a história, a história da nossa organização, a história de Pat Tillman e tudo o que ela significa, para a comunidade e para os nossos fãs, assim como para toda a nação”.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário